Retirar fradinhos será liberar as calçadas para a invasão dos carros

Durante o verão, a orla da Zona Sul do Rio de Janeiro sempre vive uma temporada de caos. Um dos principais problemas é o estacionamento irregular de veículos. Os carros param em fila dupla, bloqueiam garagens e, principalmente, estacionam em cima das calçadas, atrapalhando a livre circulação de pedestres.

Para coibir o estacionamento nas calçadas, há barreiras físicas, os frades-de-pedra, conhecidos como fradinhos. São marcos de granito que ficam junto ao meio-fio e à entrada das garagens impedindo o avanço dos automóveis.

A Prefeitura do Rio, talvez na falta de algo mais importante para cuidar, enviou circular aos condomínios da Avenida Vieira Souto, em Ipanema, mandando que destruam os fradinhos e retirem das calçadas vasos de plantas, cilindros de metal e outros obstáculos que vedam a passagem dos veículos por elas.

O município é incapaz de fazer a manutenção adequada da orla, com calçadas esburacadas, postes enferrujados, lâmpadas apagadas e mobiliário urbano degradado. Por que, então, retirar os fradinhos, que cumpriam bem a sua função?

Causam certa poluição visual, mas são um mal necessário para combater a falta de civilidade de motoristas e flanelinhas. De acordo com a Secretaria municipal de Transportes, o estacionamento em local proibido é a terceira infração mais praticada na cidade. É impossível reprimi-lo com fiscalização da Guarda Municipal. Tem que haver impedimento físico.

Obviamente, a medida da prefeitura pretende estimular a desordem urbana. Foi bem-sucedida. O verão nem chegou, e os carros já voltaram a estacionar sobre as calçadas da Vieira Souto. Quando a alta temporada chegar, a situação será incontrolável.

Autor: Ricardo Linhares – Autor de novela

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e opiniões

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s