Intoxicação alcoólica liderou atendimento nos postos de saúde da Praia de Copacabana

Foto: Cristina Reis

O número de atendimentos médicos durante a festa da virada, este ano, em Copacabana, no Rio de Janeiro, dobrou. Enquanto, em 2010, foram feitos 861 atendimentos nos postos instalados na orla da praia, neste réveillon os profissionais de saúde contabilizaram 1.705 atendimentos ocorrências, com 93 remoções de pessoas.

A intoxicação alcoólica e corte nos pés e nas pernas, praticamente iguais às do ano anterior, foram os motivos que levaram o maior número de pessoas aos sete postos montados em esquema especial na areia da praia que recebeu quase 2 milhões de pessoas.

Apenas em um dos pontos médicos foram registrados mais de 500 atendimentos, segundo balanço da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil da capital fluminense. O levantamento considerou as ocorrências registradas entre 17 horas do dia 31 de dezembro e 6h de hoje (1º).

Foto: Cristina Reis

O esquema especial de atendimento contou com 193 profissionais de saúde trabalhando durante todo o evento, sendo 72 médicos e 72 leitos.

Foto: Cristina Reis

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Réveillon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s