Agenersa assume monitoramento de bueiros no RJ

Desde o dia 13 de fevereiro, o trabalho de vistorias em bueiros na cidade do Rio de Janeiro está sendo realizado agora pela Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado (Agenersa), em parceria com as concessionárias Light e CEG.

Segundo a Prefeitura do Rio, será mantido o uso dos mesmos tipos de equipamentos e da metodologia das vistorias, assim como a quantidade de inspeções diárias, em média 400. O protocolo de emergência, com a comunicação imediata ao Centro de Operações da prefeitura, também continua a ser seguido caso sejam identificados outros bueiros com risco de explosão.

Desde o início do trabalho emergencial de monitoramento, em agosto de 2011, foram realizadas 40.320 vistorias. Até o momento foram encontrados 314 bueiros com alto risco de explosão.

Ao todo, 28 bairros foram vistoriados nas zonas norte, sul e no centro. Entre os locais que mais apresentaram bueiros com risco de explosão estão centro (155), Tijuca (49) e Copacabana (41).

O monitoramento independente de risco em bueiros teve duração de seis meses e foi uma iniciativa do acordo de cooperação firmado entre a Prefeitura do Rio, Governo do Estado, Ministério Público e Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA-RJ). A medida foi tomada após uma série de explosões em bueiros na cidade.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em AMBIENTE URBANO, Concessionárias de serviços públicoss, Nossos bairros, Serviços Públicos e Privados

3 Respostas para “Agenersa assume monitoramento de bueiros no RJ

  1. A. Kelper

    Onde estah o monitoramento das explosoes? Por que elas continuam? Por que nao se multa diariamente a Light ateh que ela demonstre que o problema foi resolvido?

  2. Anthony Kelper

    Muito bem, estamos em 2016 e qual nossa surpresa ao constatar que apos o TAC assinado com o MP-RJ, vemos que as causas nao foram eliminadas e as explosoes continuam? Em Copa tivemos explosoes em 15/04/16 na Anita Garibaldi, sendo que em 26/10/15 teve uma na Barata Ribeiro com Constante Ramos. Nem se falou em multa para a Light. Vamos esperar alguem morrer? O site http://www.cabum-ex.net.br mostra outras explosoes, sinal que o problema continua…

  3. O conceito de medir concentraçao de gas para atribuir a possibilidade de explosao de bueiro eh totalmente errada. Coisa de leigo, que consequentemente nao resolve o problema, como jah havia dito o eng. Estellito, especialista de prevençao de explosoes. A prova disto sao as diversas explosoes ocorridas desde aquela data. Vejam as varias explosoes ocorridas em http://www.cabum-ex.net.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s